Brasão da Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul

Programa sobre pesquisas científicas de MS estreia nesta quinta na TV Assembleia

Imagem:
11/07/2018 - 15:25 Por: João Humberto Tv ALMS    Foto: Reprodução/TV ALMS

Divulgar ações de pesquisas científicas realizadas em Mato Grosso do Sul, mostrando que o Estado possui grande relevância nessa área, é o principal objetivo do programa ‘MS em Pesquisa’, que estreia nesta quinta-feira (12), às 09h, na grade de programação da TV ALMS.

Conforme o jornalista Thiago Frison, apresentador do programa, em Mato Grosso do Sul existem boas pesquisas científicas sendo feitas no âmbito das universidades. “Nosso Estado vive um momento muito significativo no campo científico e isso precisa ser mostrado aos telespectadores, afinal, educação, tecnologia e inovação integram a ciência e isso tem que ser difundido”, destacou.

Em cada programa, o jornalista vai entrevistar um pesquisador de Mato Grosso do Sul, que falará sobre sua pesquisa e também a respeito dos investimentos que vêm sendo feitos nessa área, sempre com uma reportagem contextualizando a iniciativa. “A finalidade é impulsionar as ações científicas sul-mato-grossenses”, explicou Frison.

No programa de estreia, o jornalista conversa com o biólogo Octávio Luiz Franco, que é doutor em Biologia Molecular pela  Universidade de Brasília (UnB), dá aulas na Universidade Católica Dom Bosco (UCDB) e lidera pesquisa científica a partir de sementes de goiaba no intuito de combater superbactérias que podem causar mortes de seres humanos. Ele também é professor adjunto na Universidade Católica de Brasília e pesquisador do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), com experiência na área de Bioquímica, Proteômica e Modelagem Molecular, com ênfase em Bioquímica de Proteínas, tendo seu trabalho voltado para o desenvolvimento de bioprodutos e bioprocessos.

Para a jornalista Lígia Sabka, gerente da TV e da Rádio ALMS, o programa tem a incumbência de mostrar as pesquisas científicas nas áreas de exatas, humanas e biológicas, além das dificuldades em trabalhar com isso e no que essas ações podem gerar benefícios. “Isso tudo em uma linguagem fácil de se compreender e com muita informação. Difundir a pesquisa é essencial para que todo esse conhecimento seja transformador junto à sociedade, com resultados socioeconômicos, ambientais ou qualquer área a que seja destinado, além de inspirar e estimular novos trabalhos”, explica Lígia.

O programa quinzenal será inserido na grade de programação da TV ALMS (canal 9 da NET) e também estará disponível para visualização no canal do YouTube (https://www.youtube.com/c/TVALMS) e no endereço http://www.al.ms.gov.br/TvAssembleia.

 

 

Permitida a reprodução , desde que contenha a assinatura "Agência ALMS".
Crédito obrigatório para as fotografias, no formato "Nome do fotógrafo/ALMS".